Este curto texto pertence aos ensinamentos sobre lo jong ou transformação do pensamento. Foi composto durante o período da história budista em que a escola Kadam era florescente no Tibete. A tradução baseia-se numa interpretação do Lama Thubten Zöpa Rinpoche.

 

 

 

Os Oito Versículos

de Transformação do Espírito

 

Olhando todos os seres sensíveis

Que superam mesmo a jóia que garante os desejos

Para a realização do objectivo último,

Que sempre os tenha na maior consideração.

 

Quando na companhia de outros

Sempre me considerarei de todos o mais baixo,

E no fundo do meu coração

Todos terei em suprema consideração.

 

Quando o momento da ilusão aparece,

Perigando a mim e aos outros,

Vigilante, saberei enfrentá-lo

E afastá-lo sem demora.

 

Vendo seres de fraca natureza

Submersos pelas violentas acções negativas e pelo sofrimento,

Terei por tão preciosos seres grande consideração,

Como se tivesse encontrado um precioso tesoiro.

 

Se outros me caluniam e, levados pela inveja,

Me insultam e maltratam,

Saberei aceitar a derrota

E aos outros oferecer a vitória.

 

Se alguém que muito ajudei

Em que tinha grandes esperanças,

Me provoca terrível mal,

Saberei olhá-lo como um sagrado amigo espiritual.

 

Breve, directa ou indirectamente, ofereço todo o

Benefício e felicidade a todos os seres sensíveis, minhas mães,

Possa eu secretamente tomar para mim

Todas as suas acções más e todo o seu sofrimento.

 

Possam eles ficar livres dos conceitos

Das oito preocupações profanas

E, conscientes da ilusão de todas as coisas,

Sem apego, libertarem-se da servidão.

 

 

Geshe Langri Thangpa

 

 

       "Zen"               "Cubo de Gelo"

-   Manuel Marques  2003   -